GOOGLE SITE TRANSLATOR

Registre-se em 1 minuto!

PUBLICIDADE

Últimas atividades

Soeli Maria Moreira curtiu a postagem no blog MESTRE ASCENSIONADO HILARION de Edilza
4 horas atrás
Tiago curtiu a postagem no blog MESTRE ASCENSIONADO HILARION de Edilza
5 horas atrás
Tiago curtiu a postagem no blog 1 MÊS PARA 'DATA LIMITE' de Edilza
5 horas atrás
tinajair etinajair curtiu a postagem no blog MESTRE ASCENSIONADO HILARION de Edilza
7 horas atrás
Valdemar Frederico Schroer curtiu a postagem no blog MESTRE ASCENSIONADO HILARION de Edilza
8 horas atrás
Posts no blog por Edite Spiess Stauffer

O luto – A importância de vivê-lo

Quando a gente perde alguém querido passamos por uma fase de dor e vazio. As vezes é muito difícil aceitar essa perda, mas…Ver mais...
9 horas atrás
Vania respondeu à discussão Espaço Holístico ao Dispor de Paulo José (Amrit Prabhu)
"Oi Paulo, boa noite. Vou entrar em contato"
13 horas atrás
Vania entrou no grupo de Edson Luiz Pocahi
Miniatura

Como realizar os seus sonhos?

Neste grupo o nosso foco é apresentar soluções, ideias e conteúdos para fazer você, de uma vez por todas, realizar os seus sonhos!Ver mais...
13 horas atrás
Edson Luiz Pocahi curtiu a postagem no blog MESTRE ASCENSIONADO HILARION de Edilza
13 horas atrás
Indiara Leitholdt é agora um membro de Ignotus Rede Social
13 horas atrás
Posts no blog por Edilza

MESTRE ASCENSIONADO HILARION

MESTRE ASCENSIONADO HILARIONAntes do Continente Atlântida sucumbir, os sacerdotes trouxeram a Ciência da Verdade para ser manifestada na Terra. Nesta época Mestre Hilarion ainda não era ascensionado, mas pertencia a um grupo iniciático escolhido,ao…Ver mais...
19 horas atrás
MARGARIDA MARIA MADRUGA deixou um comentário para Helen Alessandra Arantes de Alme
"SEJA BEM VINDA HELEN!"
20 horas atrás

Mensagens de blog

Curta Nossa Página no Facebook

A Obsessão pela mente - Osho

 
"Estamos obcecados pela mente — nossa educação e nossa civilização têm uma fixação pela mente porque ela foi responsável por todos os avanços tecnológicos, e para nós isso resume tudo. 

O que o coração pode nos dar? 
 
Com certeza, nada high tech, industrial ou capaz de gerar dinheiro. Mas pode nos proporcionar alegria, celebração e também uma enorme sensibilidade para a beleza, celebração e também uma enorme sensibilidade para a beleza, a música e a poesia. 

Além disso, é capaz de guiá-lo no mundo do amor e da oração, mas essas coisas não são commodities

Você não pode aumentar sua conta bancária usando apenas o coração nem lutar em grandes guerras, assim como não pode produzir bombas atômicas nem destruir as pessoas pelo coração. 
 
O coração sabe criar, enquanto a mente é destrutiva — infelizmente, nossa educação, ficou presa à mente. 

Nossas universidades, faculdades e escolas estão destruindo a humanidade. Pensam estar lhe prestando um grande serviço, mas apenas enganam a si mesmas. 
 
A menos que a raça humana atinja um equilíbrio e o coração e a 
mente amadureçam, continuaremos sofrendo. à medida que nos tornamos mais centrados na mente e, por outro lado, cada vez mais alheios ao coração, nosso sofrimento tende a aumentar. 
 
Somos responsáveis por criar um inferno na Terra e só pioramos essa situação. 

O paraíso pertence ao coração. 
 
Ainda assim, ninguém entende mais essa linguagem. O coração foi completamente esquecido. Somos capazes de compreender a lógica, não o amor. Compreendemos a matemática, não a música.
Nós nos tornamos cada vez mais acostumados às coisas mundanas e ninguém parece ter a coragem de trilhar os percursos do desconhecido, os labirintos do amor e do coração. 

Entramos em sintonia com o mundo da prosa, e a poesia acabou se tonando insignificante.  
 
Tudo o que há de criativo no homem está sendo reduzido à produção cada vez mais de "coisas". A criatividade está perdendo. seu apelo, e a produtividade 
se transforma no principal objetivo da vida. 

Em vez da criatividade, valorizamos a produtividade: discutimos como produzir mais, mas esquecemos que isso nos proporciona apenas coisas, não valores. As pessoas podem se tornar ricas externamente, mas empobrecidas interiormente. 

A produção se preocupa com a quantidade, enquanto a criação se preocupa com a qualidade. A produção não exige capacidade de criação, ela é medíocre: qualquer imbecil pode se dedicar a ela, basta aprender alguns truques básicos. 

 
O homem perdeu seu lado poético, seu impulso criativo. Nós estamos demasiadamente interessados em produtos, em novidades eletrônicas, em produzir cada vez mais coisas. É fundamental trazer de volta o coração e o 
amor à natureza. 
 
Precisamos prestar mais atenção às rosas, às flores de lótus, às árvores, às rochas e aos rios. 
 
Precisamos recomeçar a dialogar com as estrelas."

Osho em O Livro dos Segredos IV

Exibições: 136

© 2019   Criado por Edson Luiz Pocahi.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço