GOOGLE SITE TRANSLATOR

Registre-se em 1 minuto!

PUBLICIDADE

Últimas atividades

Posts no blog por Edilza
6 horas atrás
Valdemar Frederico Schroer curtiu a postagem no blog Experiências fora do corpo e a Física Quântica de Edilza
12 horas atrás
tinajair etinajair curtiu a postagem no blog Experiências fora do corpo e a Física Quântica de Edilza
14 horas atrás
sandra paula correia das neves curtiu a postagem no blog Experiências fora do corpo e a Física Quântica de Edilza
19 horas atrás
Edson Luiz Pocahi curtiu a postagem no blog Experiências fora do corpo e a Física Quântica de Edilza
21 horas atrás
Posts no blog por Edilza
ontem
Posts no blog por Edilza

CONEXÃO COM HILARION

CONEXÃO COM HILARIONAtualizaçãoAtravés de Marlene SwetlishoffJulho 2020“... É como as energias trabalham,…Ver mais...
sábado
Posts no blog por Edilza
sexta-feira
Posts no blog por Edilza
1 Jul
Adalberto Vieira curtiram o evento Discordianismo de Timóteo Pinto
29 Jun
Posts no blog por Edilza
29 Jun
Ana Bela G: Pestana curtiu a postagem no blog QUANTOS SOLSTÍCIOS E EQUINÓCIOS VOCÊ VIVENCIOU? de Edilza
28 Jun

Mensagens de blog

Curta Nossa Página no Facebook

Profecia da Águia e do Cóndor

 


No princípio a Águia e o Cóndor compartilhavam o céu e a força do vento para impulsionar suas asas. Era uma convivência harmoniosa como a do avô Sol e da avó Lua. 

Forças estranhas fizeram que ambos se separacem. Desde então demarcaram cada um seu território no ar. Assim, os povos que antigamente viviam em paz e em festa, desconfiados, foram se separando, decharam de conversar com os espíritos da natureza e cada vez mais difícil era escutar a música da Mãe-Terra. 

Diz a voz da profecia que um dia, a Águia e o Cóndor retornarão a se encontrar, a voar juntos, curando com as lágrimas suas feridas. Assim, os povos integrarão suas danças, colherão os frutos, outras vez conversarão com as montanhas, lancarão seus sonhos às estrelas e entoarão a música da Pachamama, em um concerto infinito à vida e a natureza. 

Como a Águia e o Cóndor , todos os povos do Norte e do Sul se reunirão novamente, com nossa maior arma, o AMOR, para unir nossos sonhos, nossos rítmos, nossos cantos e danças, buscando harmonias que nos ajudem a recuperar a irmandade entre todos nós, buscando a canção que nos devolva o amor a nossa Mãe-Terra e a todos os nossos irmãos e irmãs das Quatro Sagradas Direções. 



Poderíamos dizer que a profecia milenar da Águia e do Cóndor estão se cumprindo? 

Todos os eventos, os momentos que estão vivendo os povos originários no continente estão sob profecia. A profecia de nossos avós diz que quando chegar o tempo de mudança, que é justamente o que estamos vivendo e no mundo andino se chama Pachakuti, o retorno da vida, é o reordenamento da vida. Então, nesse sentido, este momento é de transição, se está reordenando a vida nos novos séculos, se está reconstituindo a cultura da vida que são os povos originários. Este é o preâmbulo do que vai ser o grande encontro da Águia e do Cóndor, este é um momento que já se está visibilizando e somente emergirá em um verdadeiro encontro de todos os povos originários. 

As águias, que são as nacionalidades dos povos da América do Norte e parte da América Central e os condores, seres do sul, nesse abraço profundo marcarão um novo tempo que é o que estamos gerando com todos estes momentos históricos dos encontros. 

Tudo isto és parte de uma profecia, este momento é do Pachakuti que dizemos no mundo andino, os mapuches e outras nacionalidades também têm seus próprios termos. Os ciclos estão mudando, depois virá esse tempo esperado por todos nós, do equilíbrio e da harmonia com a Mãe-Terra, com a vida em si mesma, aí sim, vai gerar o abraço fraterno da Águia e do Cóndor.
 

Exibições: 224

© 2020   Criado por Edson Luiz Pocahi.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço