GOOGLE SITE TRANSLATOR

Registre-se em 1 minuto!

PUBLICIDADE

Últimas atividades

Posts no blog por Edilza

SIM! SEUS ANJOS ESTÃO ENVIANDO SINAIS

SIM! SEUS ANJOS ESTÃO ENVIANDO SINAISSIM! SEUS ANJOS ESTÃO ENVIANDO…Ver mais...
2 horas atrás
MARGARIDA MARIA MADRUGA deixou um comentário para Anna kelly Marques Ponce
"SEJA BEM VINDA ANNA!"
12 horas atrás
Elciene Maria Tigre Galindo curtiu a postagem no blog A cor da lágrima...Vale a pena ler e refletir. de Edilza
ontem
Ícone do perfilAnna kelly Marques Ponce e João Batista Filho entraram em Ignotus Rede Social
sexta-feira
silvia dejesus velhinho côrro curtiu a postagem no blog Vida após a morte:Você naõ vai para o céu de Edilza
sexta-feira
tinajair etinajair curtiu a postagem no blog A cor da lágrima...Vale a pena ler e refletir. de Edilza
sexta-feira
Armelinda Moreira curtiu a postagem no blog Hoje eu me lembrei...* de Edilza
sexta-feira
Armelinda Moreira curtiu a postagem no blog A cor da lágrima...Vale a pena ler e refletir. de Edilza
sexta-feira
Armelinda Moreira curtiu a postagem no blog A cor da lágrima...Vale a pena ler e refletir. de Edilza
sexta-feira
ROSA HELENA DA SILVA curtiu a postagem no blog ASTROLOGIA EGÍPCIA de Edilza
sexta-feira
ROSA HELENA DA SILVA curtiu a postagem no blog A OUTRA METADE - JEFF FOSTER de Edilza
sexta-feira
MARGARIDA MARIA MADRUGA deixou um comentário para João Batista Filho
"SEJA BEM VINDO JOÃO BATISTA!"
sexta-feira

Mensagens de blog

Curta Nossa Página no Facebook

Monge mumificado de 200 anos ainda pode estar vivo, diz especialista e médico do Dalai Lama

Monge mumificado de 200 anos ainda pode estar vivo, diz especialista e médico do Dalai Lama

Um monge mumificado encontrado na Mongólia, na posição de lótus, “não estaria morto”, de acordo com um especialista que é também médico do Dalai Lama. Segundo Barry Kerzin, famoso monge budista, o homem mumificado - ainda não identificado - estaria a apenas uma etapa de se tornar um Buda na vida real. Os restos mumificados foram encontrados em 27 de janeiro, na província Songinokhairkhan.

Exames forenses ainda precisam ser concluídos, mas acredita-se que a múmia tenha em torno de 200 anos de idade e foi preservada em pele de gado. Contudo, o monge Barry Kerzin insiste que o homem mumificado, na verdade, está em uma "meditação muito profunda" e em um estado espiritual raro e muito especial conhecido como 'tukdam'.

Nos últimos 50 anos, acredita-se que ocorreram em torno de 40 casos semelhantes na Índia com monges tibetanos. "Eu tive o privilégio de cuidar de alguns meditadores que estavam em um estado tukdam”, disse Kerzin, de acordo com notícia divulgada pelo Siberian Times.

“Se a pessoa é capaz de permanecer neste estado por mais de três semanas – o que raramente acontece – seu corpo gradualmente encolhe e, no final, tudo o que resta da pessoa é o seu cabelo, unhas e roupas. Normalmente, neste caso, as pessoas que vivem ao lado do monge enxergam um arco-íris que brilha no céu durante vários dias. Isso significa que ele encontrou um ‘corpo de arco-íris’. Este é o mais elevado estado perto do estado de Buda”, explica Kerzin.

Para se matricular no curso de Antropologia Holística, clique na imagem abaixo, os assuntos estão muito interessantes!

Roubo do monge mumificado

O monge mumificado também virou história de polícia. Seu corpo havia sido roubado de uma outra parte do país e seria vendido no mercado negro. Um homem de 45 anos, identificado como Enhtor, foi preso. Ele chegou a esconder a múmia em sua própria casa, em Ulaanbaatar.

Fonte e Imagem: Washington Post

Tradução e resumo: History Channel Brasil

Exibições: 613

Comentar

Você precisa ser um membro de Ignotus Rede Social para adicionar comentários!

Entrar em Ignotus Rede Social

Comentário de Marilu Bernardes em 19 abril 2018 às 23:29

História ou fantasia ?  Surreal ,interessante ,gostei.

Comentário de MARGARIDA MARIA MADRUGA em 12 abril 2018 às 20:26

Dá para acreditar?

Comentário de Edson Luiz Pocahi em 26 março 2018 às 22:40

Surreal ?

© 2019   Criado por Edson Luiz Pocahi.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço