GOOGLE SITE TRANSLATOR

Registre-se em 1 minuto!

PUBLICIDADE

Últimas atividades

Posts no blog por Edilza

9 Objetos Que Atraem Energias Ruins Para Sua Casa

9 Objetos Que Atraem Energias Ruins Para Sua CasaFERNANDA MARANHA – HOMIFY27 de Maio de 2017Muitas vezes são colocados em casa amuletos para atrair boa sorte,…Ver mais...
9 horas atrás
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Valdir Antonio
Miniatura

OS ILUMINATS - Segredos Revelados

AQUI POSTAREMOS VÍDEOS EXCLUSIVOS - Sobre a Nova Ordem Mundial - Prepare-se para ver algo que o surpreenderá... "Iluminats"Ver mais...
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Marcelo Cintra
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Vinicius Angelo da Silva
Miniatura

Filosofia processual

A filosofia processual é uma filosofia prática que permite o desenvolvimento pessoal. Para a filosofia processual , o mais importante é abolir o dualismo e as oposições rígidas: sujeito/objeto, mente/matéria , bem/mal.Ver mais...
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Magia Do Bem
Miniatura

Magia do Bem - Simpatias, magias e feitiços

Espaço para o compartilhamento de magias oriundas da sabedoria popular e com objetivos práticos específicos, as famosas simpatias e feitiços.Ver mais...
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Rafael Oliveira
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Vitor Hugo Izidoro Caetano
Miniatura

Guardiões

Este grupo tem como ojetivo auxiliar os seres humanos a se defender de seres malignos que rondam pela terra.Ver mais...
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Kojji Narimatsu
Miniatura

Terapias Naturais

Vamos compartilhar tudo o que for bom para melhora da Qualidade de Vida, que proporcione Saúde e bem estar integral.sintam-se à vontade para postar o que for relacionado às Terapias Naturais e Saúde em geral.Ver mais...
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Rodrigo Pedroso Pinter
Miniatura

Magia Natural

Espaço dedicado a explicação prática do que é magia natural (principio teórico), como intera-la ao seu dia-a-dia (aplicabilidade do principio teórico) e claro a prática!Vamos - lá?Ver mais...
ontem
Graydon Bluhm Jr entrou no grupo de Allan Keyroz
Miniatura

Alta Magia - Teoria e Prática

Grupo de Alta Magia, e formas de estudos que a elevam como Meditação, Yoga, Autoconhecimento, Práticas Saudáveis para melhor praticarmos esta grande Arte e outros assuntos.Quando uma pessoa tem interesse em saber sobrer o assunto e pesquisa sobre…Ver mais...
ontem
Posts no blog por Edilza

RESSUSCITANDO UM SENTIMENTO

RESSUSCITANDO UM SENTIMENTORESSUSCITANDO UM SENTIMENTOMENSAGEM DOS ANJOS canalizada por Ann…Ver mais...
ontem
tinajair etinajair curtiu a postagem no blog Os 12 Arquétipos Comuns de Edilza
ontem

Mensagens de blog

Curta Nossa Página no Facebook

O amor é a substância criadora e mantenedora do Universo, constituído por essência divina. É um tesouro que, quanto mais se divide, mais se multiplica, e se enriquece à medida que se reparte. Mais se agigante, na razão que mais se doa. Fixa-se com mais poder, quanto mais se irradia. Nunca perece, porque não se entibia nem se enfraquece, desde que sua força reside no ato mesmo de doar-se, de tornar-se vida.

Assim como o ar é indispensável para a existência orgânica, o amor é o oxigênio para a alma, sem o qual a mesma se enfraquece e perde o sentido de viver.

É imbatível, porque sempre triunfa sobre todas as vicissitudes e ciladas.

Quando aparente - de caráter sensualista, que busca apenas o prazer imediato - se debilita e se envenena, ou se entorpece, dando lugar à frustração.

Quando real, estruturado e maduro - que espera, estimula, renova - não se satura, é sempre novo e ideal, harmônico, sem altibaixos emocionais. Une as pessoas, porque reúne as almas, identifica-as no prazer geral da fraternidade, alimenta o corpo e dulcifica o eu profundo.

O prazer legítimo decorre do amor pleno, gerador da felicidade, enquanto o comum é devorador de energias e de formação angustiante.

O amor atravessa diferentes fases: o infantil, que tem caráter possessivo, o juvenil, que se expressa pela insegurança, e o maduro, pacificador, que se entrega sem reservas e faz-se plenificador.

Há um período em que se expressa como compensação, na fase intermediária entre a insegurança e a plenificação, quando dá e recebe, procurando liberar-se da consciência de culpa. O estado de prazer difere daquele de plenitude, em razão de o primeiro ser fugaz, enquanto o segundo é permanente, mesmo que sob a injunção de relativas aflições e problemas-desafios que podem e devem ser vencidos. Somente o amor real consegue distingui-los e os pode unir quando se apresentem esporádicos.

A ambição, a posse, a inquietação geradora de insegurança - ciúme, incerteza, ansiedade afetiva, cobrança de carinhos e atenções -, a necessidade de ser amado caracterizam o estágio do amor infantil. Obsessivo, dominador, que pensa exclusivamente em si antes que no ser amado.

A confiança, suave-doce e tranqüila, a alegria natural e sem alarde, a exteriorização do bem que se pode e se deve executar, a compaixão dinâmica, a não-posse, não-dependência, não-exigência, são benesses do amor pleno, pacificador, imorredouro.

Mesmo que se modifiquem os quadros existenciais, que se alteram as manifestações da afetividade do ser amado, o amor permanece libertador, confiante, indestrutível.

Nunca se impõe, porque é espontâneo como a própria vida e irradia-se mimetizando, contagiando de júbilos e de paz. Expande-se como um perfume que impregna, agradável, suavemente, porque não é agressivo nem embriagador ou apaixonado...

O amor não se apega, não sofre a falta, mas frui sempre, porque vive no íntimo do ser e não das gratificações que o amado oferece. O amor deve ser sempre o ponto de partida de todas as aspirações e a etapa final de todos os anelos humanos.

O clímax do amor se encontra naquele sentimento que Jesus ofereceu à Humanidade e prossegue doando, na sua condição de Amante não amado.

JOANNA DE ÂNGELIS

Exibições: 65

Comentar

Você precisa ser um membro de Ignotus Rede Social para adicionar comentários!

Entrar em Ignotus Rede Social

© 2019   Criado por Edson Luiz Pocahi.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço