GOOGLE SITE TRANSLATOR

Registre-se em 1 minuto!

PUBLICIDADE

Últimas atividades

MARGARIDA MARIA MADRUGA deixou um comentário para Vinícius Costa Souza
"SEJA BEM VINDO VINÍCIUS!"
7 horas atrás
MARGARIDA MARIA MADRUGA deixou um comentário para Marcela Sales Lima
"SEJA BEM VINDA MARCELA!"
7 horas atrás
Posts no blog por Edilza
18 horas atrás
tinajair etinajair curtiu a postagem no blog Mensagens de Sergio Mello 105 de Edson Luiz Pocahi
ontem
tinajair etinajair curtiu a postagem no blog Mensagens de Sergio Mello 104 de Edson Luiz Pocahi
ontem
Clarissa deixou um comentário para Edson Luiz Pocahi
"Quero me descadastrar do site. Como faço? Não estou conseguindo."
ontem
Clarissa deixou um comentário para sueli
"Eu tb quero me descadastrar. Como faço?"
ontem
Valdemar Frederico Schroer curtiu a postagem no blog ARCANJO MIGUEL - A VITAMINA D - A VITAMINA DIVINA de Edilza
ontem
Edilza curtiu a postagem no blog PREVISÃO DA ENERGIA PARA ABRIL DE 2020 de Edilza
ontem
Edilza curtiu a postagem no blog Mensagens de Sergio Mello 104 de Edson Luiz Pocahi
ontem
Edilza curtiu a postagem no blog Mensagens de Sergio Mello 104 de Edson Luiz Pocahi
ontem
Edilza curtiu a postagem no blog Mensagens de Sergio Mello 105 de Edson Luiz Pocahi
ontem

Mensagens de blog

Curta Nossa Página no Facebook

FELIZ DIA DOS NAMORADOS,NAMORIDOS,ETC...!

TERCETOS

Noite ainda, quando ela me pedia
Entre dois beijos que me fosse embora,
Eu, com os olhos em lágrimas, dizia:

"Espera ao menos que desponte a aurora!
Tua alcova é cheirosa como um ninho..
E olha que escuridão há lá por fora!

Como queres que eu vá, triste e sozinho,
Casando a treva e o frio de meu peito
Ao frio e à treva que há pelo caminho?!

Ouves? é o vento! é um temporal desfeito!
Não me arrojes à chuva e à tempestade!
Não me exiles do vale do teu leito!

Morrerei de aflição e de saudade...
Espera! até que o dia resplandeça,
Aquece-me com a tua mocidade!

Sobre o teu colo deixa-me a cabeça
Repousar, como há pouco repousava...
Espera um pouco! deixa que amanheça!"

— E ela abria-me os braços. E eu ficava.

E, já manhã, quando ela me pedia
Que de seu claro corpo me afastasse,
Eu, com os olhos em lágrimas, dizia:

"Não pode ser! não vês que o dia nasce?
A aurora, em fogo e sangue, as nuvens corta...
Que diria de ti quem me encontrasse?

Ah! nem me digas que isso pouco importa!...
Que pensariam, vendo-me, apressado,
Tão cedo assim, saindo a tua porta,

Vendo-me exausto, pálido, cansado,
E todo pelo aroma de teu beijo
Escandalosamente perfumado?

O amor, querida, não exclui o pejo.
Espera! até que o sol desapareça,
Beija-me a boca! mata-me o desejo!

Sobre o teu colo deixa-me a cabeça
Repousar, como há pouco repousava!
Espera um pouco! deixa que anoiteça!"

— E ela abria-me os braços. E eu ficava.                                                           

                     OLAVO BILAC

 

Exibições: 52

Comentar

Você precisa ser um membro de Ignotus Rede Social para adicionar comentários!

Entrar em Ignotus Rede Social

© 2020   Criado por Edson Luiz Pocahi.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço