GOOGLE SITE TRANSLATOR

Registre-se em 1 minuto!

LANÇAMENTO: Tenha Autoconhecimento e Dinheiro no Bolso!

PUBLICIDADE

Mensagens de blog

Curta Nossa Página no Facebook

A Sincronicidade e o Inconsciente Coletivo

O grande psicólogo Carl Gustav Jung, desenvolveu em colaboração com o prêmio Nobel de Física, Wolfgang Pauli, uma teoria denominada "Sincronicidade". Essa teoria afirma que, embora dois acontecimentos aparentemente sem conexão entre si ocorrem, eles não são isolados, na verdade, existiria uma relação simultânea entre eles.

É citado como exemplo da sincronicidade, quando sonhamos com um amigo que não o vemos ou estabelecemos algum contato a bastante tempo, e no dia seguinte o vemos. Para Jung, esses atos mostram como se dá o funcionamento do inconsciente coletivo, outro conceito de sua autoria. Ele afirma que este Inconsciente Coletivo conecta os seres humanos entre eles, e com a natureza. A casualidade não existe. Tudo está dentro da sincronicidade.

Jung afirma que esses fenômenos sincrônicos se manifestam com muito mais frequência quando estamos com a psique menos consciente (ondas alfa), esse é o estado da nossa mente quando meditamos ou sonhamos. Assim que a pessoa percebe a informação sincrônica, se concentra nela, e isso faz a perder, pois a ideia de espaço e tempo retorna com tudo.

Segundo Jung, quando pensamentos e intuições chegam até nós do Inconsciente Coletivo, eles não surgem através da nossa vontade, do nosso esforço, na verdade, as informações do Inconsciente coletivo estão sempre chegando até nós, quando captamos essa informação achamos que foi nós que a processamos, mas na verdade, apenas a captamos. Apenas uma pequena parte é percebida, captada por nós, a grande maioria chega até nós e são esquecidos antes mesmo de percebermos.

O conceito de Inconsciente Coletivo de Jung, já existia muito tempo atrás no Hinduísmo, são os chamados Registros Akáshicos, que é descrito como um conjunto de conhecimentos armazenados no éter, lá encontram-se pensamentos e emoções de seres do nosso planeta e de seres de fora do nosso planeta, por todos o cosmos. Lá está tudo o que ocorreu, ocorre e ocorrerá.

Segundo os hindus, qualquer um pode acessar essa fonte, qualquer um pode pedir ajuda aos seus orientadores multidimensionais, pois se alguém está com um problema específico agora, é certo que esse incidente ocorreu antes em outro tempo e lugar e, portanto, a solução já está disponível, apenas esperando que alguém a consulte.

Encerro esse texto, com dois pensamentos para reflexão, um de Jung, e outro de Nikola Tesla, um dos grandes gênios da ciência que também dizia ter certeza da existência desse conhecimento universal. Forte abraço a todos, até a próxima!

“Meu cérebro é apenas um receptor, no Universo existe um núcleo a partir do qual obtemos conhecimento, força e inspiração. Eu não penetrei nos segredos deste núcleo, mas eu sei que ele existe” Nikola Tesla

“Não posso provar a você que Deus existe, mas meu trabalho provou empiricamente que o “padrão de Deus” existe em cada homem, e que esse padrão (pattern) é a maior energia transformadora de que a vida é capaz de dispor ao indivíduo. Encontre esse padrão em você mesmo e a vida será transformada” Carl Jung

 

Edson Luiz Pocahi

http://edsonluizpocahi.net

Exibições: 458

Comentar

Você precisa ser um membro de Ignotus Rede Social para adicionar comentários!

Entrar em Ignotus Rede Social

Comentário de Valdemar Frederico Schroer em 25 fevereiro 2018 às 9:03
Gratidão pelo texto
Comentário de MARGARIDA MARIA MADRUGA em 23 fevereiro 2018 às 21:09

O mais difícil é decifrar a resposta. Ótimo texto Edson. Obrigada.

© 2018   Criado por Edson Luiz Pocahi.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço